O meio ambiente e os efeitos colaterais da preservação

Na semana passada, Veja apresentou um fato curioso e preocupante: na boa intenção de contribuir para a preservação do meio ambiente, muitos tomam atitudes que podem agravar ainda mais a situação.

Por exemplo, é louvável o hábito de reciclar garrafas PET. No entanto, há quem use água em demasia para lavá-las antes de destinar ao reciclador. Nesse caso, grande percentagem de gás carbônico deixa de ser emitida à atmosfera, mas, ao mesmo tempo, as reservas de água no Planeta vão diminuindo.

Veja apresentou apenas as situações dos que querem ajudar e acabam “descobrindo um santo para cobrir outro”. Mas esse pode ser um ponto de partida para um processo de conscientização.

É certo que cabe a cada um de nós – cidadãos do mundo – cuidar do Planeta . Todavia, é do governo a obrigação de desenvolver campanhas nos meios de comunicação, para orientar as pessoas quanto à forma apropriada de preservar o meio-ambiente.

O governo brasileiro já demonstrou que tem capacidade para isso. Há vários anos, ele produz campanhas publicitárias, orientando a população sobre como combater o mosquito da dengue. Os resultados das campanhas são satisfatórios, visto que os casos da doença transmitida pelo mosquito têm comprovadamente diminuído.

Entretanto, enquanto o governo não “desperta”, é nosso dever buscar informações a respeito disso, visto que, como costumam afirmar os ativistas, a batalha não é pela sobrevivência do meio ambiente, mas pela nossa, pois quando o meio ambiente for totalmente devastado, não iremos mais sobreviver.

4 comentários:

  1. Sabe que eu não tinha pensado nisso?A verdade é que muita gente gasta mais p/ reciclar do que se não tivesse feito nada.

    ResponderExcluir
  2. Eu não tinha atentado para esse fato, mas essas ações com o tempo vão sendo corrigidas, o importante mesmo é que a população se conscientize de que tem que preservar o meio ambiente.

    ResponderExcluir
  3. As vezes a falta de conhecimento pode causar um problema maior do que esta sendo combatido.
    É preciso haver mais alertas para que a população possa fazer o melhor.
    Agradeço suas visitas e comentários feitos no meu blog.

    ResponderExcluir
  4. Mano, mais uma vez espondo um fato que pasa desapercebido no nosso dia-a-dia...
    Eu da minha parte tomos minhas iniciativas quanto a poluição, economia de água e tal.
    Mais muitas vezes fatos como o que você disse ficam escondidos e nem damos bola....
    Parabéns pela iniciativa!

    ...Rafael Silveira

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.