29 de dezembro de 2008

Feliz 2009, 2010, 2011...

Lembre sempre que o tempo é o seu sócio no empreendimento de conquistas de metas. Seja paciente como ele. Há coisas que não se constroem em dias, mas em meses. Existem outras que os meses não são suficientes; é necessário o recurso dos anos.


Assim, aprenda a conquistar cada coisa no seu tempo. Estabeleça seus objetivos, plante-os, regue-os e aguarde o momento de eles nascerem. Pressa e ansiedade são as maiores pragas das realizações; são ervas daninhas que estragam toda a lavoura.

Portanto, deixe de fazer promessas em dezembro. Esse é um ritual que todos praticam nas “boas festas”, mas quase ninguém cumpre no ano seguinte. O que você deve fazer, em vez de promessas, é estabelecer metas, não apenas para 2009, mas também para os anos seguintes. Essa é a lógica dos vencedores. (Texto de Valdeir Almeida).


A TODOS OS MEUS AMIGOS, PARCEIROS E VISITANTES DO MEU BLOG,

DESEJO UM FELIZ ANO NOVO E QUE DEUS OS ABENÇOE

4 comentários

Anônimo 29 de dezembro de 2008 19:04  

Obrigada pelo seu carinho durante todo o ano de 2008.
Que Deus o abençoe com toda sorte de bençãos.
"Abraço de urso", e beijo mineiro.

lugirão 29 de dezembro de 2008 20:16  

Aprenda que cada coisa tem seu tempo, isso é um fato.

Que 2009 seja de sucesso para nós. beijos

Jorge Cruz 30 de dezembro de 2008 07:24  

Olá Valdeir! Muito obrigado por sua visita. Retribuo os desejos de um 2009 repleto de realizações e felicidades.

Grande abraço e sucesso!
Jorge Cruz
www.franquiapessoal.ws

blogdocatarino.com 31 de dezembro de 2008 14:43  

Realmente temos que estabelecer metas e ir realizando no dia-a-dia, não há uma passagem mágica só porque é ano novo.
Vim retribuir suas visitas e agradecer pelos comentários deixados no meu blog.
Desejo que tenhas um ano novo cheio de realizações, saúde e sucesso.

Postar um comentário

Blogs Indispensáveis

Membros

Creative Commons License
O Blog Ponderantes está licenciado sob uma licença Creative Commons.

© Ponderantes 2008-2012 Todos os Direitos Reservados | Início |Créditos

Voltar ao TOPO